Peguei o papel e
 Rabisquei algo na intenção de
 Esvaziar, na intenção de não
 Chorar, porém, chorei.
 Insistir naquilo só iria
 Piorar, eu estava
 Indecisa, perdida, destruída.
 Chorei, solucei, não parei. A dor era
 Interna, na alma. E no fim, fui fraca
 Outra vez.
—  Jackelaine Lima, Precipício.  (via remorrer)

remorrer:

A poesia está em tudo, mas nem todos são poetas.

E então eu vi você, com aquele sorriso de quem sabe o que quer, aquele jeito todo confiante, e com aquela voz mais sexy do mundo. E meu mundo se iluminou, a sua luz me pegou de jeito, e então eu percebi que estava numa grande enrascada.
—  As memórias de Meredith.  (via remorrer)
Mas dê, dê amor.
Principalmente pra quem tem dor.
—  Izabel Bastos.   (via remorrer)
Mas, afinal, será que é covardia reconhecer o medo?
—  A Menina que Roubava Livros.    (via novembru)
Não nascemos, nem morremos. Como toda energia, nós simplesmente mudamos de forma, de tamanho e de manifestação. Os adultos se esquecem disso quando envelhecem. Ficam com medo de perder e de fracassar. Mas essa parte que é maior do que a soma das partes não tem começo e não tem fim, e portanto, não pode falhar.
—  John Green. (via s-u-n-t)
P